Contabilidade

Que Deve Conter o Plano de Contas da Atividade Rural?

Consideram-se como atividade rural:

– a exploração das atividades agrícolas e pecuárias;

– a extração e a exploração vegetal e animal;

– a exploração da apicultura, avicultura, suinocultura, sericicultura, piscicultura (pesca artesanal de captura do pescado in natura) e outras de pequenos animais;

– a transformação de produtos agrícolas ou pecuários, sem que sejam alteradas a composição e as características do produto in natura, realizada pelo próprio agricultor ou criador, com equipamentos e utensílios usualmente empregados nas atividades rurais, utilizando-se exclusivamente matéria-prima produzida na área explorada, tais como: descasque de arroz, conserva de frutas, moagem de trigo e milho, pasteurização e o acondicionamento do leite, assim como o mel e o suco de laranja, acondicionados em embalagem de apresentação, produção de carvão vegetal, produção de embriões de rebanho em geral (independentemente de sua destinação: comercial ou reprodução).

Desta forma, o plano de contas de uma empresa que se dedique à atividade rural deve prever, além das contas habituais a todas empresas:

  • contas de apuração dos custos rurais, separadamente das contas de custos das demais atividades;
  • separação das contas de resultado em grupos de atividades (por exemplo: atividade agrícola, atividade agropastoril);
  • grupo de receitas específicas (como as superveniências ativas);
  • grupo de despesas específicas (como as de superveniências passivas).

Acesse um modelo de plano de contas de atividades rurais, no Guia Contábil Online.

Atualizado de acordo com as Novas Normas Contábeis - Resolução CFC 920. Contém Modelo de Estatuto e Atas. Tributação, Contabilização, Aspectos Societários e Fiscais. Clique aqui para mais informações. Manual das Sociedades Cooperativas 

Mais informações

Edição Eletrônica Atualizável

ComprarClique para baixar uma amostra!

Notícias de Contabilidade

Notícias Contábeis 26.07.11

NORMAS DE AUDITORIA INDEPENDENTE
Resolução CFC 1.353/2011 – Aprova o CTR 02 – Emissão de Relatório de Revisão das Informações Trimestrais (IFT e ITR) de instituições autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil.
INSTITUIÇÕES DO SISTEMA FINANCEIRO NACIONAL
Carta Circular DENOR 3.516/2011 – Esclarece acerca da contabilização de dividendos e outras formas de distribuição de resultados, cria subtítulo contábil e altera função de contas no Cosif.
GUIA CONTÁBIL ON-LINE
Atividades Pecuárias
Faturamento Antecipado
Terceiro Setor – Contas de Custos
OBRIGAÇÕES ACESSÓRIAS
Incentivos à Inovação Tecnológica – Prestação de Contas Encerra dia 31/julho
Declaração de Bens no Exterior – DBE/BACEN Deve ser Entregue até 29/Julho
Veja as Demais Declarações que Devem ser Entregues até Final de Julho/2011
PUBLICAÇÕES ATUALIZÁVEIS
Blindagem Contábil e Fiscal
Micro Empreendedor Individual – MEI
Impugnação – Defesa de Auto de Infração – RFB