Notícias de Contabilidade

Notícias Contábeis 17.07.12

GUIA CONTÁBIL ON LINE
Adiantamentos para Futuro Aumento de Capital
Contabilidade para Pequenas e Médias Empresas – PME’s
Terceiro Setor – Regime de Reconhecimento de Receitas e Despesas
Contabilidade

Balancete Contábil

Denomina-se “Balancete Contábil” ou “Balancete de Verificação” o demonstrativo que relaciona os saldos das contas remanescentes do  Livro Razão em determinado período (geralmente, ao final de cada mês).

Este demonstrativo poderá ser utilizado para fins de conciliação, controle ou análise de dados gerenciais. O grau de detalhamento do balancete de verificação deverá estar  adequado a finalidade do mesmo.

Caso o demonstrativo seja destinado a usuários  externos o documento deverá ser assinado por contador habilitado pelo Conselho Regional de Contabilidade (CRC).

Recomenda-se que o balancete seja disponibilizado mensalmente, servindo  assim como suporte aos gestores para visualizar a situação financeira e patrimonial da entidade.

Por sua praticidade, serve o balancete de base para, entre outros, fornecer informações para elaboração do orçamento empresarial, projeção de fluxo de caixa e outros de caráter gerencial.

Conheça algumas obras  voltadas aos assuntos contábeis:

Conciliações, Controles e Encerramento das Demonstrações Financeiras. Atualizado de acordo com a Lei 11.638 de 28 de dezembro de 2007. Abrange as principais contas contábeis e tópicos que merecem atenção especial no momento da elaboração das demonstrações financeiras. Cada conta é analisada individualmente e traz o detalhamento para a sua conciliação e os controles internos necessários. Clique aqui para mais informações.Como elaborar um adequado Plano de Contas Contábil. Atualizado de acordo com a Lei 11.638 de 28 de dezembro de 2007 e mudanças nas Normas Contábeis.Abrange detalhamentos da elaboração das contas contábeis e tópicos que merecem atenção específica. Cada conta é analisada individualmente para facilitar a classificação. Clique aqui para mais informações.A Contabilidade em relação à apuração dos tributos. Análise das contas  contábeis e patrimoniais e dos documentos suporte Atualização garantida por 12 meses! Clique aqui para mais informações.

Notícias de Contabilidade

Notícias Contábeis 05.06.12

AUDITORIA INDEPENDENTE
Resolução CFC 1.393/2012 – Aprova o CTA 14 – Emissão do Relatório do Auditor Independente sobre Demonstrações Contábeis de Instituições Autorizadas a Funcionar pelo Banco Central do Brasil.
Contabilidade

Usos da Contabilidade Gerencial

Contabilidade Gerencial, em síntese, é a utilização dos registros e controles contábeis com objetivo de gerir uma entidade.

A contabilidade é uma ferramenta indispensável para a gestão de negócios. De longa data, contadores, administradores e responsáveis pela gestão de empresas se convenceram que amplitude das informações contábeis vai além do simples cálculo de impostos e atendimento de legislações comerciais, previdenciárias e legais.

O principal foco é medir o desempenho da organização – principalmente resultados (receitas – despesas), produtividade, gestão de atividades (filiais, produtos, serviços) – permitindo análise histórica e projeções (fluxo de caixa, orçamento).

A Contabilidade Gerencial proporciona informações para tomadas de decisões dos gestores, podendo beneficiar clientes (redução de custos e preços), fornecedores (incremento de pedidos e serviços advindo de decisões de expansão), governo (apuração e recolhimento dos tributos devidos), acionistas, sócios e trabalhadores (distribuição de resultados e elevação dos rendimentos advindos da produtividade e rentabilidade) e a sociedade como um todo (manutenção e geração de empregos e renda).

Mediante relatórios periódicos e confiáveis, os gestores poderão planejar e corrigir ações. Por exemplo, se os custos de produção vem crescendo acima das receitas dos referidos produtos, pode-se investir em produtividade e racionalização administrativa, visando atingir um objetivo organizacional (lucro).

Desprezar fatos apurados contabilmente pode levar um empreendimento ao fracasso. Os gestores precisam estar atentos e buscar informações confiáveis, geradas pela contabilidade, para enfrentar os desafios do mercado. Os custos e os riscos de navegar sem a bússola contábil são, com certeza, maiores do que manter uma estrutura de controle e informações geradas pela escrituração regular do empreendimento.

Conheça a obra Contabilidade Gerencial.

Notícias de Contabilidade

Notícias Contábeis 28.02.12

GUIA CONTÁBIL ON-LINE
Direitos de Uso
Propaganda e Publicidade
Plano de Contas – Atividades Rurais
IRPF 2012
Dicas para a Declaração do Imposto de Renda
Erros Comuns na Declaração do IR – Evite-os!
ENFOQUES CONTÁBEIS
Métodos e Aspectos da Análise de Balanço
Simples: Contabilidade como Vantagem Tributária
REDES SOCIAIS
Também estamos presentes no Facebook. Seja amigo do Portal de Contabilidade!
Você também pode acompanhar as principais notícias da área contábil seguindo o Twitter Guia Contábil.
Atualize-se pelo Blog Guia Contábil lendo as últimas notícias e os enfoques relevantes que afetam a contabilidade.
Notícias de Contabilidade

Notícias Contábeis 20.09.11

GUIA CONTÁBIL ON LINE
Avaliação de Estoques
Distribuição de Lucros ou Dividendos
Terceiro Setor – Formação do Patrimônio Social
EDUCAÇÃO CONTINUADA
Capital de Giro nos Negócios
Aquisição de Fundo de Comércio – Cuidados e Dicas
Comissão Vinculada ao Recebimento da Venda – Contabilização
REDES SOCIAIS
Também estamos presentes no Facebook. Seja amigo do Portal de Contabilidade!
Você também pode acompanhar as principais notícias da área contábil seguindo o Twitter Guia Contábil.
Atualize-se pelo Blog Guia Contábil lendo as últimas notícias e os enfoques relevantes que afetam a contabilidade.
PROCURA-SE NOVOS TALENTOS
Divulgue Esta Oportunidade e Ajude a Encontrar Novos Talentos!
PUBLICAÇÕES ATUALIZÁVEIS
Contabilidade Gerencial
Manual de Franquia Empresarial
Apuração de Custos e Formação do Preço de Venda
Notícias de Contabilidade

Notícias Contábeis 31.05.11

NORMAS BRASILEIRAS DE AUDITORIA
Resolução CFC 1.345/2011 – Aprova o CTR 01 – Emissão de Relatório de Revisão das Informações Trimestrais (ITR) a partir de 2011.
GUIA CONTÁBIL ON LINE
Folha de Pagamento
Arrendamento Mercantil (Leasing)
Diferencial de ICMS na Aquisição de Bens
LANÇAMENTO
Lançamos a obra Elaboração da DFC e DVA. Clique e conheça mais este material eletrônico atualizável.
REDES SOCIAIS
Também estamos presentes no Facebook. Seja amigo do Portal de Contabilidade!
Você também pode acompanhar as principais notícias da área contábil seguindo o Twitter Guia Contábil.
Atualize-se  pelo Blog Guia Contábil lendo as últimas notícias e os enfoques relevantes  que afetam a contabilidade.
Notícias de Contabilidade

Notícias Contábeis 01.02.2011

COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS
Deliberação CVM 656/2011 – Altera a Deliberação CVM nº 603/2009 – Informações Trimestrais – ITR.
NORMAS – AUDITORIA INDEPENDENTE
Resolução CFC 1.320/2011 – Aprova o CT 07 – Emissão do Relatório do Auditor Independente sobre Demonstrações Contábeis Individuais e Consolidadas.
Resolução CFC 1.321/2011 – Aprova o CT 08 – Emissão do Relatório do Auditor Independente sobre Demonstrações Contábeis Individuais e Consolidadas de Instituições Financeiras.
Resolução CFC 1.322/2011 – Aprova o CT 09 – Emissão do Relatório do Auditor Independente sobre Demonstrações Contábeis Individuais e Consolidadas de Entidades Supervisionadas pela Superintendência de Seguros Privados (SUSEP).
REDES SOCIAIS
Atualize-se pelo Blog Guia Contábil lendo as últimas notícias e os enfoques relevantes que afetam a contabilidade.
Você também pode acompanhar as principais notícias da área contábil seguindo o Twitter Guia Contábil.
Também estamos presentes no Facebook. Seja amigo do Portal de Contabilidade!
Contabilidade

Artigo: Estoques

A CONCILIAÇÃO DOS ESTOQUES

Reinaldo Luiz Lunelli*

Estoques são os valores referentes às exigências de produtos acabados, produtos em elaboração, matérias-primas, mercadorias, materiais de consumo, serviços em andamento e outros valores relacionados às atividades-fins da entidade. O termo “estoque” refere-se a todos os bens tangíveis mantidos para venda ou uso próprio no curso ordinário de negócio, bens em processo de produção para venda ou para uso próprio ou que se destinam ao consumo na produção de mercadorias para venda ou uso próprio.

Os ESTOQUES estão representados por materiais diversos, que devem estar subdivididos em contas de conformidade com a sua finalidade.

Na INDÚSTRIA – São comuns nas indústrias os estoques de matérias primas destinadas à produção, de produtos em elaboração e de produtos acabados; podem existir estoques de conjuntos a serem utilizados na produção, que podem ser fabricados por terceiros.

No COMÉRCIO – São comuns os estoques de mercadorias para revenda. Estas mercadorias estão nas lojas em pequenas quantidades. As quantidades mais significativas geralmente estão em Depósitos Fechados (não abertos ao público consumidor). Muitas empresas têm transformado esses Depósitos Fechados em lojas abertas ao público por estarem situados na periferia das grandes cidades onde os custos de locação são menores e é mais fácil o estacionamento de veículos.

Nas PRESTADORAS DE SERVIÇOS – São comuns os estoques de peças de reposição para utilização nos serviços a serem prestados.

A contabilização dos Estoques deve ser efetuada em contas apropriadas de conformidade com a função e o funcionamento de cada uma. Seguindo o conceito de liquidez, o subgrupo estoques classifica-se no Circulante, após os outros créditos.

Todavia, poderão haver casos de empresas que tenham estoques cuja realização ultrapasse o exercício seguinte, assim deve haver a reclassificação dos estoques para o Realizável a Longo Prazo, em conta à parte. Os estoques de peças de reposição também são comuns nas empresas. Quando se tratar de estoques para reposição de móveis, utensílios e instalações estes devem estar contabilizados no REALIZÁVEL DE LONGO PRAZO, dentro do grupo Ativo Não Circulante.

CONCILIAÇÃO

O saldo das contas deve conciliado mensalmente por ocasião do levantamento dos balancetes e balanços ou em períodos menores.

Eventuais diferenças devem ser regularizadas pelo menos por ocasião do levantamento de balancetes e balanços, quando então se fará o lançamento de acerto dos saldos.

Para ter acesso ao artigo na íntegra, acesse o site Portal de Contabilidade e conheça também outros artigos e obras eletrônicas atualizáveis de matéria contábil.

* Reinaldo Luiz Lunelli é contabilista, auditor, consultor de empresas, professor universitário, autor de diversos livros de matéria contábil e tributária e membro da redação dos sites Portal Tributário e Portal de Contabilidade.

Notícias de Contabilidade

Notícias Contábeis 19.10.2010

CURSOS E EVENTOS
3 ª Oficina Prática de Auditoria Interna – 23 a 26 de Novembro de 2010 – Belo Horizonte/MG
Auditoria Interna – Ferramenta de Avaliação e Controle de Riscos Empresariais – 28 e 29 de Outubro de 2010 – São Paulo/SP