Artigos

Ajuste para Perdas por Desvalorização

A companhia deverá efetuar, periodicamente, análise sobre a recuperação dos valores registrados no imobilizado e no intangível (§ 3 do art. 183 da Lei 6.404/1976).

O ajuste para perdas por desvalorização decorre da obrigação de avaliar os ativos, no mínimo anualmente, para ajustá-los a valor de sua realização, caso este seja inferior ao valor contábil.

Esse teste de redução ao valor recuperável pode ser executado a qualquer momento no período de um ano, desde que seja executado, todo ano, no mesmo período.

As metodologias para avaliação da recuperação de ativos são estipuladas na NBC TG 01, dentre as quais, a estimativa do valor em uso de um ativo.

A estimativa do valor em uso de um ativo envolve os seguintes passos:

(a)    estimar futuras entradas e saídas de caixa derivadas do uso contínuo do ativo e de sua baixa final; e

(b)   aplicar a taxa de desconto apropriada a esses fluxos de caixa futuros.

Valor contábil é o montante pelo qual o ativo está reconhecido no balanço depois da dedução de toda respectiva depreciação, amortização ou exaustão acumulada e ajuste para perdas.

Um exemplo são direitos autorais adquiridos para publicação de obra, contabilizados no ativo intangível. Deve-se, no mínimo anualmente, verificar se o valor do ativo supera o valor esperado do fluxo de caixa futuro (venda de livros deduzidas das respectivas despesas e custos), descontada à taxa apropriada (para trazer o valor deste caixa a valor presente):

Valor contabilizado do ativo: R$ 10.000,00

Fluxo de caixa futuro: R$ 50.000,00 (receitas) – R$ 20.000,00 (despesas e custos) = R$ 30.000,00

Número médio de meses de realização do caixa: 24

Taxa de desconto anual: 18%.

Fator de desconto para 24 meses: (1 + (18%) x (1 + 18%)) – 1 = 1,3924

Fluxo de caixa futuro descontado: R$ 30.000,00 / 1,3924 = 21.545,53.

Como o fluxo de caixa futuro descontado supera o valor contábil (R$ 10.000,00), então não haverá ajuste.

Fechamento e Elaboração de Balanço na Prática tópicos Atualizados e Exemplificados! Abrange detalhes de encerramento de balanço, ativos, passivos, demonstração de resultado, com exemplos de lançamentos, contém detalhes de tributação - Lucro Real, Presumido, Arbitrado e Simples! Clique aqui para mais informações. Fechamento de Balanço

Mais informações

Pague em até 6x sem juros no cartão de crédito!

ComprarClique para baixar uma amostra!

Contabilidade

O que é Teste de Impairment?

O denominado “teste de impairment” busca avaliar o valor recuperável de ativos registrados na contabilidade.

Impairment é uma palavra em inglês que significa, em sua tradução literal, deterioração.

O teste consiste em avaliar, periodicamente, os ativos que geram resultados antes de contabilizá-los no balanço.

Desta forma, cada vez que se verificar que algum ativo esteja registrados contabilmente por um valor superior àquele passível de ser recuperado por uso ou por venda, deve o mesmo ser ajustado para o respectivo valor, se inferior. Um exemplo disso é uma máquina ou equipamento obsoleto, sem uso, que tenha saldo contábil superior ao seu preço líquido de venda ou sucateamento.

Através da Resolução CFC 1.292/2010, foi aprovada a TG 01 – Redução ao Valor Recuperável de Ativos.

Segundo a norma, a entidade deve avaliar ao fim de cada período de reporte, se há alguma indicação de que um ativo possa ter sofrido desvalorização. Se houver alguma indicação, a entidade deve estimar o valor recuperável do ativo.

Portanto, devido à proximidade do encerramento do ano civil, cuja coincidência se dá com a maioria dos balanços das empresas e demais entidades, recomenda-se que os contabilistas e demais responsáveis pela gerência ou administração tomem a iniciativa de avaliar seus ativos através do teste de impairment.

Notícias de Contabilidade

Notícias Contábeis 09.10.12

NORMAS CONTÁBEIS
Resolução CFC 1.408/2012 – Altera a NBC TG 18 – Investimento em Coligada e em Controlada e a ITG 09 – Demonstrações Contábeis Individuais, Demonstrações Separadas, Demonstrações Consolidadas e Aplicação do Método da Equivalência Patrimonial.
NORMAS LEGAIS
Veja a sinopse das Normas Legais, Tributárias, Contábeis e Trabalhistas editadas em setembro/2012.
Contabilidade

Teste de Impairment

Impairment é uma palavra em inglês que significa, em sua tradução literal, deterioração. Tecnicamente trata-se da redução do valor recuperável de um bem ativo.

Na prática, quer dizer que as companhias terão que avaliar, periodicamente, os ativos que geram resultados, para compará-los com o valor residual contábil.

Cada vez que se verificar que um ativo esteja avaliado por valor não recuperável no futuro, ou seja, toda vez que houver uma projeção de geração de caixa em valor inferior ao montante pelo qual o ativo está registrado, a companhia terá que realizar ajuste contábil da diferença.

Desta forma, por exemplo, se um ativo está registrado contabilmente com valor residual de R$ 1.000, e seu valor recuperável seja de R$ 800, a diferença (R$ 200) deverá ser contabilizada da seguinte forma:

D – Perda por desvalorização do ativo (resultado)

C – Ajuste por desvalorização do ativo (conta patrimonial redutora do ativo)

Notícias de Contabilidade

Notícias Contábeis 01.06.2010

CNPJ
IN RFB 1.035/2010 – Dispõe sobre a baixa especial da inscrição no Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ) de pessoas jurídicas, nos termos dos arts. 54 e 55 da Lei Nº 11.941, de 27 de maio de 2009.
DBE/EXTERIOR
Resolução BACEN 3.854/2010 – Dispõe sobre a declaração de bens e valores possuídos no exterior por pessoas físicas ou jurídicas residentes, domiciliadas ou com sede no País.
COOPERATIVAS
Resolução BACEN 3.859/2010 – Altera e consolida as normas relativas à constituição e ao funcionamento de cooperativas de crédito.
CONTABILIDADE PÚBLICA
Decreto 7.185/2010 – Dispõe sobre o padrão mínimo de qualidade do sistema integrado de administração financeira e controle, no âmbito de cada ente da Federação, nos termos do art. 48, parágrafo único, inciso III, da Lei Complementar nº 101, de 4 de maio de 2000, e dá outras providências.
GUIA CONTÁBIL ON LINE
Devoluções de Vendas
Escrituração – Validade e Eficácia
Modelo de Plano de Contas – Atividade Rural
GESTÃO CONTÁBIL
Custo Padrão
As Vantagens da Microempresa
Dúvidas sobre Registro e Profissão Contábil
TEMAS SELECIONADOS DO MÊS ANTERIOR
Teste de Impairment
Contabilidade Internacional
Dicas Sobre o Processo de Escrituração Contábil
A Legalidade dos IFRS nas Pequenas e Médias Empresas
PUBLICAÇÕES
Manual do Simples Nacional
Manual das Sociedades Empresárias
Análise das Demonstrações Financeiras
PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO
Planejamento Tributário – Mudança do Lucro Presumido e Simples Nacional para o Lucro Real – 11/06 – Curitiba/PR